CargOn: 3 anos gerando valor

Em março de 2023, o primeiro operador logístico digital do mundo completou 3 anos de existência. Fundada em 2020, a CargOn sempre teve o propósito de “facilitar a logística para as pessoas”. Isso, levando em conta que o setor costuma ser complexo, agitado, porém muito necessário. Dessa forma, os produtos e serviços desenvolvidos, bem como a constante preocupação pelo seu aprimoramento, geram valor tanto para os clientes quanto para a sociedade em si.

Desde o início, a CargOn esteve localizada em Curitiba, mais precisamente na Hotmilk – Ecossistema de Inovação da PUCPR. Essa escolha se deu, em grande medida, pela veia empreendedora do local que entrega uma estrutura excelente e oportuniza um networking gigantesco. Os programas de capacitação e desenvolvimento agregaram muito ao longo desses anos. Certamente essa parceria tem sido um fator fundamental para o crescimento da CargOn.

Hotmilk – Ecossistema de Inovação da PUCPR

Nesses 3 anos de existência, a CargOn desenvolveu uma plataforma tecnológica de ponta para atender as difíceis demandas do mercado e oferecer soluções práticas e relevantes. Até aqui foram mais de 230 mil cargas transacionadas e mais de 6 milhões de toneladas transportadas. Onze bilhões de mercadorias transacionadas e 80 milhões de quilômetros rodados. Tudo isso realizado com profissionalismo e constante busca por melhorias e inovação. Os parceiros de jornada foram imprescindíveis! Muito obrigado Atlas, ArcelorMittal, Coopercarga, Grupo Pitangueiras, Lactalis, Lafargeholcim, NLog, Renner, Tial, Tirol e Unipar!

No Brasil, 12% do PIB é destinado à logística, 60% destinado ao transporte rodoviário de cargas. Desse total, a esmagadora maioria dos processos é feita de forma analógica, resultando uma falta de informação e de análise gigantesca, dificultando na tomada de decisões e otimização de processos. Analisando todo esse cenário, a CargOn criou uma solução de plataformas completas, englobando todas as etapas. Nosso foco é entregar muito mais valor e informação para otimização do negócio do nosso cliente.” – Denny Mews – CEO CargOn

Empresa ESG

Celebrar esse período de crescimento e sucesso se torna mais especial ainda quando pensamos que a CargOn tem como um dos valores principais ser uma empresa totalmente ESG. A sigla em inglês significa estar ancorado em três pilares principais: Ambiental, Social e Governança. O termo já é uma tendência mundial e faz parte da agenda da ONU pensando num futuro de desenvolvimento sustentável e colaborativo que agrega à comunidade na qual a empresa está inserida, a médio e longo prazo.

Ambiental – Nossa plataforma tem foco na digitalização, na ausência de papel e monitoramento de emissões de gases nocivos ao meio ambiente.

Social – monitoramos a jornada de trabalho do motorista, fizemos parcerias em postos de combustíveis e somos a única empresa no Brasil a oferecer seguro de vidas aos motoristas em parceria com o BB Seguros.

Governança – Nossa plataforma é de total governança para sua empresa, desde documentação fiscal até a análise dos fornecedores.

Por fim, podemos olhar para trás nesses 3 anos e nos orgulhar de tudo o que foi conquistado até aqui, sempre na certeza de que não fizemos nada sozinhos. Nada conseguiríamos sem nossos colaboradores e parceiros! Ao olharmos para frente, vemos um mar de oportunidades e desafios. Com isso, a convicção de que estamos no caminho certo e ancorados em princípios fundamentais para contribuir na vida de pessoas.

Compartilhe essa postagem

Deixe aqui seu e-mail

Enviaremos novidades e atualizações sobre o mundo logístico

    Mais em nosso blog

    Recalculando rota: otimização de viagens nos transportes

    A otimização de rotas de entrega é um processo crucial para empresas que lidam com logística e transporte de mercadorias. Trata-se de um olhar estratégico que busca tornar a operação mais eficiente, minimizando custos e tempo de entrega, ao mesmo tempo em que atende às necessidades dos clientes de forma satisfatória.

    Medida Provisória 1153/22 – Quem paga a conta?

    No final do ano passado, foi aprovada uma Medida Provisória que altera a Lei nº 9.503 que é referente ao Código de Trânsito Brasileiro. Dentre as principais alterações, destaca-se a obrigatoriedade do transportador na cobertura do “seguro de carga”. O que antes era “opcional” e podia ser custeado até mesmo pela indústria, agora passa a ser de responsabilidade do transportador…