CargOn - Soluções Logísticas Digital

Black Friday e logística em 2021: como entregar a melhor experiência

Black Friday e logística em 2021: como entregar a melhor experiência - CargOn

Uma das principais datas do comércio brasileiro está para acontecer no dia  26 de novembro, sexta-feira, e promete ser rentável, embora ainda esteja marcada por grandes mudanças deixadas pela experiência de 2020. Black Friday e logística seguem sendo um fator crucial em 2021.

Isso porque operadores logísticos são altamente requisitados nessa época e é preciso cuidado para não frustrar os e-commerces, para que estes, por sua vez, não percam clientes.

Buscando te apresentar como esse processo pode ser aprimorado, trazemos aqui um panorama de como foram os movimentos da Black Friday em 2020, quais as expectativas para 2021 e como sua logística deve se preparar diante desse evento.

Black Friday 2020: um cenário de incerteza

Incerteza foi a palavra-chave que girou em torno da Black Friday 2020. A pandemia levou o país ao recorde de desemprego no terceiro trimestre do ano, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e isso poderia afetar diretamente o varejo na sexta-feira de descontos.

Entretanto, as classes A e B foram as menos afetadas economicamente e também as que diminuíram o consumo durante a quarentena, sendo um ótimo público com dinheiro poupado para gastar na data.

Havia também o benefício do auxílio emergencial, recebido por 65 milhões de brasileiros na época, e as restrições do comércio tradicional, que levava a uma certeza: os consumidores iriam priorizar compras pela internet.

O que efetivamente aconteceu! Os e-commerces tiveram um faturamento de R$ 7,72 bilhões entre os dias 26 e 30 de novembro, datas da véspera da Black Friday, a Black Friday em si e a Cyber Monday. O valor levou a um crescimento de 27,7% da Black Friday 2020 em relação a de 2019, segundo o relatório da Neotrust/Compre&Confie. O saldo da Black Friday 2020, no final das contas, foi positivo. A data contabilizou R$ 3,86 bilhões de faturamento total, 5,34 milhões de pedidos e ticket médio de R$ 723,37. Foram 6,77 milhões de pessoas fazendo alguma compra no período entre a Black Friday e a Cyber Monday, com acréscimo de 20,9% em relação a 2019.

Black Friday 2021: o que nos espera

Muitas projeções sobre a Black Friday 2021 estão sendo feitas com base na Black Friday 2020. Começando com a queda do modelo tradicional da data, em que diversos clientes se aglomeravam nas portas das lojas, esperando elas abrirem para fazerem suas compras.

Espera-se que a semana de descontos seja tão digital quanto 2020. Em pesquisa feita pela área de Inteligência de Mercado da Globo, 55% dos entrevistados afirmaram que preferem usar canais físicos e digitais na Black Friday 2021 (o varejo omnichannel), enquanto 29% usarão apenas o formato digital.

Sendo assim, a Black Friday 2021 traz alguns desafios aos varejistas digitais, como:

  • Melhoria no relacionamento com clientes
  • Aprimoramento em toda experiência de compra
  • Logística de entrega aprimorada
  • Ofertas que contemplem vários meios de pagamento

Reforçando que em 2020, uma análise da Social Miner indicou uma alta na busca de atendimento via WhatsApp entre os dias 12 e 29 de novembro, enquanto nos finais de semana da Black Friday o Facebook e o chat foram os canais mais procurados por consumidores.

Black Friday e logística: uma receita de boas vendas

Black Friday e logística caminham lado a lado, pois a entrega do produto ao cliente final depende de todo o processo logístico, ou seja: separação da carga, emissão da nota fiscal, preparo da embalagem para envio, postagem, transporte e, por fim, entrega.

Como foi possível notar com os apontamentos feitos acima, as vendas digitais prometem seguir em alta este ano, exigindo ainda mais da Black Friday e logística em 2021, ou seja, uma demanda fora do comum, solicitando entrega completa, para o cliente certo, dentro do prazo combinado, em sua quantidade pedida e com um custo ideal. Para garantir isso, é essencial ficar atento a alguns pontos como:

1) Prazos realistas

Black Friday e logística envolvem todo processo já citado acima de emissão da nota, embalagem da carga, postagem e transporte. Quando acontece uma alta dos pedidos, é possível que esse processo se torne mais longo que o normal, então, repasse prazos realistas ao seu cliente.

2) Transparência

Como dito acima, e-commerces e operadores logísticos precisam entregar prazos realistas aos consumidores finais, isso faz parte do processo de transparência que deve ser feito em todo processo logístico, desde os prazos realistas, até a quantidade de produtos nos estoques e promoções reais (nada de Black Fraude).

3) Rotas estruturadas

Rotas estruturadas envolvem o melhor caminho, tempo otimizado, estratégias para imprevistos na estrada, cálculo do custo correto da entrega e satisfação do cliente. Automatizar esse processo durante a Black Friday é uma ótima opção para garantir todos esses pontos.

4) Monitoramento da carga

Usando da tecnologia de softwares é possível saber onde estão seus motoristas em tempo real, quais pedidos já foram entregues, a previsão de entrega dos pedidos que estão em rota e o tempo de parada em cada endereço. A prática é uma ótima aliada de uma boa gestão e, neste momento, da Black Friday e logística.

5) Status da entrega para o cliente

Outro ótimo benefício do monitoramento de carga é repassar o status da entrega para o cliente, um pacote completo de boas práticas da Black Friday e logística que você deve adotar. Esse método faz o olho do cliente brilhar ao ler sua notificação de “Seu pedido saiu para entrega” e pode reduzir as reentregas, pois o cliente sabe que seu pedido está para chegar, então ele se mantém em casa para o receber.

6) Logística reversa

As trocas e devoluções de cargas são muito comuns e podem ser mais altas no período de Black Friday, então é necessário se preparar para esse cenário de logística reversa.

7) Custos de frete

Por fim, não existe frete grátis para quem é do varejo, então, se você for usar e abusar dessa opção, preste atenção no cálculo do impacto que isso pode ter para você. Considera também que veículos autônomos, por exemplo, estarão mais caros, pois todos solicitarão seus serviços.

Na Black Friday, a logística é protagonista. Se com ela ocorrer tudo bem, com prazos sendo cumpridos, ela garante a satisfação de suas vendas e confiança em seu negócio. Porém, atrasos, falta de cuidado e poucas informações sobre os status da compra ao cliente final podem manchar a reputação do seu negócio.

Para não correr esse risco, conte com os serviços da CargOn durante a Black Friday 2021! Entre em contato conosco clicando aqui e inicie uma conversa com nosso time sobre como nós podemos te ajudar nesta data.

-> O propósito da CargOn é facilitar a logística para as pessoas.

-> Conheça nossas soluções e o que podemos fazer por você e seu negócio.

-> Baixe nosso app na Play Store e App Store!

Busque o que precisa :)

Categorias do Blog

Mais conteúdos

Deixe aqui seu e-mail

Enviaremos novidades e atualizaçãoes sobre o mundo logístico

Compartilhe essa postagem

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Mais em nosso blog

Teste teste

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Suspendisse sed purus urna. Quisque lacinia libero at aliquet fringilla. Etiam mattis ut risus nec fringilla. Nunc