Dia da logística: origem e importância

O Dia da Logística é comemorado em 06 de junho, tanto no Brasil quanto em diversos outros países.

Essa data visa reconhecer a importância do setor logístico no país, que hoje representa 13% do PIB nacional. Como se trata de uma área que engloba diversos ramos desde a indústria até o transporte, muitos profissionais são lembrados na data.

Algumas das principais áreas da logística (é claro que essas categorias podem ser subdivididas):

  • Cadeia de Suprimentos (Supply Chain)
  • Armazenagem e embalagem (Packing)
  • Processamento de pedidos
  • Estoque
  • Distribuição
  • Movimentação de materiais
  • Gestão de qualidade
  • Manutenção
  • Controller logístico

ORIGEM DO DIA DA LOGÍSTICA

A origem da data partiu de uma iniciativa do setor logístico na Alemanha em 1998. A data foi escolhida em homenagem ao aniversário de nascimento de Carl von Clausewitz, um famoso general e teórico militar, cujas estratégias e táticas influenciaram significativamente o desenvolvimento da logística militar, que mais tarde se expandiu para a logística comercial.

A ideia central ao criar essa celebração foi aumentar a conscientização sobre a importância da logística na economia global e destacar o papel essencial que a gestão eficiente de suprimentos desempenha no dia a dia das empresas e instituições.

No Brasil, o Dia da Logística é celebrado em 6 de junho, alinhando-se com a data internacionalmente reconhecida. A celebração no país visa destacar a importância do setor logístico para a economia brasileira, que depende fortemente de uma infraestrutura eficiente para o transporte de mercadorias, tanto internamente quanto para exportação.

Empresas, profissionais e associações do setor aproveitam a data para promover eventos, palestras e discussões sobre os desafios e inovações na logística, além de homenagear os profissionais que atuam nessa área crucial para o desenvolvimento econômico e social do Brasil.

SITUAÇÃO DO SETOR LOGÍSTICO ATUAL

O setor logístico está passando por uma rápida transformação. Se por um lado a digitalização e automação dos processos é uma forte e inevitável tendência, grande parte das empresas ainda vive uma realidade arcaica.

Muitas indústrias ainda operam com uma gestão logística ultrapassada e não digitalizada, o que limita sua eficiência e competitividade no mercado atual. A falta de integração tecnológica e automação nas operações resulta em processos manuais, suscetíveis a erros, atrasos e falta de visibilidade em tempo real.

Essas limitações dificultam a capacidade de resposta rápida às mudanças na demanda e aos desafios da cadeia de suprimentos globalizada. Sem o uso de sistemas avançados de gerenciamento logístico, como softwares de planejamento de recursos empresariais (ERP) e soluções de rastreamento em tempo real, essas indústrias enfrentam dificuldades em otimizar rotas, gerenciar estoques de forma eficaz e reduzir custos operacionais.

A modernização e digitalização da gestão logística são imperativas para melhorar a eficiência, a precisão e a competitividade no mercado global.

PILARES NORTEADORES DA LOGÍSTICA ATUAL

  • Facilidade das vendas online: A demanda por entregas rápidas e eficientes exige soluções logísticas inovadoras e flexíveis.

  • Globalização: As cadeias de suprimentos estão se tornando cada vez mais complexas e globais, exigindo maior visibilidade e controle sobre os processos.

  • Desenvolvimento tecnológico e IA: Tecnologias como robôs, drones e softwares inteligentes automatizam tarefas repetitivas e otimizam a tomada de decisões.

  • Sustentabilidade: A busca por práticas de logística verde está se intensificando, com foco na redução de emissões de carbono e na otimização do uso de recursos.

Diante dessas tendências, as empresas de transporte e logística precisam se adaptar e investir em tecnologia e inovação para se manterem competitivas. Softwares inteligentes, automação de processos e soluções personalizadas são essenciais para otimizar operações, reduzir custos e oferecer uma experiência superior aos clientes.

O setor logístico está cada vez mais integrado e automatizado

OTIMIZE SUA LOGÍSTICA COM A CARGON

A CARGON oferece uma PLATAFORMA LOGÍSTICA DIGITAL com o propósito de facilitar a logística para as pessoas. Nossa missão é desenvolver soluções que impactem positivamente nossos clientes, otimizando tempos, recursos e custos através da nossa tecnologia e qualificação do nosso time.

Dessa forma, nossa plataforma foi desenvolvida para atuar na gestão do transporte e emissão fiscal automatizada. Tudo isso com o foco no ESG.

Com a CargOn você tem a gestão e visualização completa dos dados da sua operação em poucas telas. Saiba dos horários em que a carga foi carregada, CTe emitido, viagem iniciada e finalizada. Todos os dados são em tempo real, permitindo uma gestão mais próxima no dia a dia.

Quer saber mais sobre como a plataforma CargOn pode agregar no seu negócio? Clique aqui e fale com um de nossos especialistas!

Denny Mews – CEO& Founder CargOn

Compartilhe essa postagem

Deixe aqui seu e-mail

Enviaremos novidades e atualizações sobre o mundo logístico

    Mais em nosso blog

    Como fazer a gestão do transporte na logística? 5 dicas para otimizar

    O sucesso de qualquer negócio passa muito pela gestão eficaz de todos os recursos. Nesse sentido, a gestão de transporte na logística é capaz de elevar o nível de competitividade da empresa no mercado. E essa gestão se tornou ainda mais complexa e importante com a globalização dos negócios. Dessa forma, quem realiza a gestão precisa acompanhar esse avanço, adotando tecnologias e recursos que permitam aperfeiçoar o transporte.

    Tracking na logística: o que é e qual a importância no rastreamento de cargas

    Ter uma visibilidade completa da logística é essencial para garantir um processo mais eficiente. Nesse sentido, o tracking é uma solução que permite monitorar e rastrear o fluxo das cargas de ponta a ponta. Com isso, o tracking acaba sendo uma opção para acompanhar o passo a passo do processo logístico, como a saída do centro de distribuição. Ou seja, em caso de imprevistos, a empresa pode tomar medidas no sentido de resolver o problema.